• Setur

Notícias

09/07/2024 09:07

Empreendedorismo e religião movimentam duas zonas turísticas

A primeira edição do Seminário Bahia Empreende foi realizada, na última sexta-feira (5), no Hotel Vila Galé Marés, no distrito de Guarajuba, em Camaçari, na Costa dos Coqueiros. O evento, promovido pela Comissão de Indústria, Comércio e Serviços da Câmara dos Deputados, em parceria com a Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), teve o apoio da Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA). Cerca de 400 autoridades, empresários e especialistas de diversos estados participaram de debates sobre inovação no setor químico e desenvolvimento sustentável, incluindo atividades turísticas.

 

"A Bahia, além de ser um estado importantíssimo para a indústria química, é um lugar muito agradável e com espaços adequados para eventos corporativos. Já comentamos com os organizadores que deveremos ter outras ações no estado. No meu caso, estando em Guarajuba, é obrigatório ir à Praia do Forte e Salvador", declarou o presidente-executivo da Abiquim, André Passos.

 

"O Brasil vive hoje uma transformação na indústria, que é um motor vital para o desenvolvimento do país. Discutimos de que forma a Bahia pode cada vez mais potencializar o setor, para que possamos gerar emprego e melhorar a vida das pessoas", ressaltou a vice-presidente da Comissão, deputada federal Ivoneide Caetano.

 

Religiosidade - No último fim de semana, a Setur-BA patrocinou iniciativas do segmento religioso que movimentaram o turismo.

 

Em Ibicaraí, na Costa do Cacau, aconteceu o evento “Vem Louvar”, promovido pela Associação de Ministros Evangélicos. Quase 300 pessoas se reuniram em momentos de oração e música gospel.

 

Já no bairro de Itinga, em Lauro de Freitas, na Costa dos Coqueiros, o terreiro Kawizidi Junsara comemorou os 55 anos de iniciação no candomblé da líder religiosa Vitalina Balbino Santos (Mameto Deressú de Nzazi). A homenagem teve incentivo do projeto Agô Bahia, desenvolvido pela Setur-BA, para a valorização das religiões de matriz africana e incremento do afroturismo.



Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.